Bem-vindo ao Guia Completo do Bebê

Olá mamães, papais, vovós, titios e todos aqueles que estão interessados em saber do desenvolvimento desse bebê que veio para alegrar e dar mais cores a vida de seus familiares queridos.

 

Neste tópico “Guia Completo de idades” vamos falar um pouco sobre o desenvolvimento do bebê a cada mês. Abordaremos as fases principais, dicas para estímulos adequados que os responsáveis desse lindo bebê devem estar atentos. Essa investigação foi feita com muito carinho através de relevamento bibliográfico de autores bastante respeitados pelos profissionais que trabalham nesta área e através da experiência da prática profissional.

 

É muito importante destacar que cada bebê  é diferente, e estas diferenças incluem interesses e habilidades, portanto respeite o tempo do seu bebê. Cada um descobre o mundo em um ritmo, tem seu jeito único e particular de construir experiências emocionais e sensoriais e de trilhar um lindo caminho, rico de significados. Ás vezes elas aprendem  mais depressa umas coisas do que outras. O que não podemos fazer é comparar seu bebê com outros, não há ganhos especiais em querer que ele seja precoce. O objetivo deste tópico é apresentar as etapas ditas “normais” do bebê para que todos possam interagir com seu bebê, estimulando-lo a responder de acordo com sua capacidade.

Toda a bibliografia realizada neste guia, além da prática profissional, estão disponíveis aqui para quem quiser se aprofundar no tema. Se querem algum desses livros em PDF me escrevam que lhes envio com prazer.

Agora que está tudo esclarecido, te convido a nos acompanhar nesta linda e maravilhosa viagem que é o mundo do bebê!!!

Carinhos

 

 

Bibliografia:

-BAEZ, Angela Collado.  Ett all. Guia Curricular de Estimulación Temprana. 0 a 6 años.  Tercera Edición 2004.

-Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Diretrizes de estimulação precoce : crianças de zero a 3 anos com atraso no desenvolvimento neuropsicomotor decorrente de microcefalia / Ministério da Saúde, Secretaria de Atenção à Saúde. – Brasília: Ministério da Saúde, 2016.

-COSTA, R. C. G. F. O estado do conhecimento sobre estimulação precoce no conjunto de teses e dissertações brasileiras no período entre 2000 e 2011. 2013. 124 f. Tese (Mestrado em Educação) – Universidade Federal do Paraná, Curitiba. 201

-DE LAMARE, Rinaldo. A vida do bebê. 42.ed. Rio de Janeiro: Agir, 2009

-DIAMENT, A.; CYPEL, S. Neurologia Infantil. São Paulo: Atheneu, 2005.

-GAGLIARDO, H. G. R. G. Desenvolvimento da coordenação visuomotora. In: MOURA-RIBEIRO, M. V. L.; GONÇALVES, V. M. G. Neurologia do desenvolvimento da criança. Rio de Janeiro: Revinter, 2006. p. 297-312.

-“Guía Estimulación Temprana” – Para el Facilitado. Programa Ally Micuy “Reducción de la desnutrición crónica en las comunidades de la Región Ancash”, Adra. Peru. 2009.

-LEGARDA, Mª Carmen Ordoñez, MIKETTA,  Alfredo Tinajero. Estimulacion Temprana: Inteligencia Emocional y Cognitiva. Editada por Cultural, S.A. de Ediciones. 2004

-LIMA, M. C. M. P.; GAGLIARDO, H. G. R. G.; GONÇALVES, V. M. G. Desenvolvimento da função visual em lactentes ouvintes e surdos: importância para a aquisição da língua de sinais. Distúrbios da Comunicação, São Paulo, v. 12, n. 2, p. 239-255, jun. 2001

– Manual de Estimulación Temprana. Secretaria de Servicios Educativos. Mexico. Abril, 1999

-RUSSO, I. C. P.; SANTOS, T. M. M. Audiologia Infantil. 4. ed. São Paulo: Cortez, 2001.

-Secretaria de Salud de Mexico. Estimulación Temprana. Lineamientos técnicos. Mayo 2002.

-UNICEF. Ejercicios de Estimulación Temprana. Contenidos adaptados de la Organización Mundial de la Salud, OMS. Autores: Helander E, Mendis P, Nelson G, Geordt A (1989)

-VIDAL, Lucena Margarita. DIAZ, Curiel Juan. Atención Temprana.Ed. Impresos y Revistas S.A. Madrid, España. 1990.

 

 

SITES:

-BATISTA, Telma. O bebê de 0 a 2 anos. Disponível em:

<http://www.misericordiaob.pt/downloads2/18.pdf . Acessado em 15 de junho de 2016.

 

-Mamilatte. Disponível em

<http://www.mamilatte.com/2015/11/cuando-y-como-incorporar-los-cubiertos.html . Acessado em 04 de maio de 2017.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.